Em 2020, a Unidade de Gerenciamento de Projetos de Regularização Fundiária (UGPRFUR) iniciou o cadastramento das famílias da sede do distrito do Bonfim, ação que identificou 119 famílias aptas para participar do projeto “Escritura Já”, iniciativa municipal que concede o papel da casa às famílias que se encaixem nos critérios. Ao fim do processo, essas famílias serão contempladas com a propriedade definitiva do imóvel, concedida através de uma matrícula registrada no Cartório de Registros de Imóveis, por meio dos Instrumentos de Regularização Fundiária cabíveis a cada propriedade.
 
Em 2019, a UGPRFUR já havia conduzido no mesmo distrito, no Conjunto Vila Malhadinha, o cadastramento das 46 unidades habitacionais pertencentes ao projeto habitacional daquela localidade, o que possibilitou a entrega de 46 novos títulos de propriedade às famílias.
 
Segundo o coordenador da UGPRFUR, Antônio Aragão, "os dados colhidos pelo setor de Regularização Fundiária no Distrito do Bonfim Sede e Vila Malhadinha foram repassados ao Cadastro Imobiliário do município de Sobral, que já começou a lançar essas informações no sistema para gerar o Boletim Cadastral Imobiliário - BCI de cada imóvel". Ainda segundo o coordenador, "é a primeira vez na história de Sobral que os imóveis de um distrito passam a fazer parte do Cadastro Imobiliário do município, o que mostra a importância de termos um setor de Regularização Fundiária organizado".